Quebrando Tabus
para Cuidar de Você
Conheça agora o segredo
Toda Atenção e Conforto
que Você Merece
Isso é possível e está ao seu alcance

O que é Plástica Íntima Feminina
ou Ninfoplastia

Ninfoplastia é um termo usado de forma genérica para caracterizar um conjunto de cirurgias plásticas realizadas na região genital feminina. Mais comumente referindo-se à cirurgia dos pequenos lábios vaginais, na verdade engloba qualquer dos procedimentos realizados na área íntima feminina, como será exposto mais adiante.
A área genital feminina sempre foi de grande relevância para o bem-estar das mulheres. Região do corpo que por muitos anos foi tratada com algum tabu e preconceito, hoje recebe da Cirurgia Plástica adequada atenção e cuidado! Sabidamente influencia na qualidade de vida sexual, autoestima e psiquê femininas. 

Anatomia íntima Feminina

A região genital feminina é formada basicamente, desde a porção mais externa para mais interna, de “Púbis ou Monte de Vênus”, “Grandes Lábios”, “Pequenos lábios” e “Canal Vaginal”.
Púbis ou Monte de Vênus
Região de pele que se estende entre a linha inferior do abdômen (onde se iniciam os Pêlos Pubianos, superiormente) e a porção logo acima do prepúcio do clitóris. Preenchido internamente por gordura, funciona como um anteparo de proteção ao osso púbico, principalmente no ato sexual.
Grandes Lábios
São as dobras de pele mais laterais da vulva. Iniciam-se próximos à virilha e extendem-se até encontrar a mucosa* dos pequenos lábios. São compreendidos de pele e preenchidos por gordura. Contém pêlos em grande parte de sua extensão. Funcionam também como uma proteção externa à vulva e ao ato sexual.
Pequenos Lábios
Dobras de mucosa* interna aos Grandes Lábios, desprovida de pêlos, normalmente de cor rósea, podendo apresentar grande variedade de tonalidades. Assemelham-se muito a uma pequena “cortina” de mucosa* que tem por função a proteção da entrada do Canal Vaginal. Ao longo de sua extensão, podem muitas vezes apresentarem-se mais exteriorizados (para fora) que os Grandes Lábios.
Canal Vaginal
Conhecido mais popularmente como vagina, é um canal mucoso, com propriedades distensivas que desde a porção mais externa, prolonga-se profundamente até encontrar o colo uterino. Abriga o pênis durante o ato sexual e funciona como um canal de passagem para os nascimentos dos partos naturais.

 Tipos de Cirurgia Íntima Feminina
ou Ninfoplastia 

TIPOS DE CIRURGIA ÍNTIMA FEMININA

Redução Pubiana ou do Monte de Vênus

Em algumas pacientes, um depósito exagerado de gordura logo abaixo da pele junto ao Púbis, pode causar um aspecto desproporcional à região. Nestes casos a correção é realizada através de uma lipoaspiração do local. Em casos onde também se identifique um excesso de pele ou flacidez, pode ser indicado sua retirada.
TIPOS DE CIRURGIA ÍNTIMA FEMININA

Diminuição dos Grandes Lábios

Pode ocorrer de algumas mulheres apresentarem um aumento desproporcional dos grandes lábios. Nestes casos utiliza-se da lipoaspiração ou até mesmo ressecção direta de pele e gordura para correção deste excesso.
TIPOS DE CIRURGIA ÍNTIMA FEMININA

Aumento dos Grandes Lábios

Com o avançar da idade, muitas mulheres têm uma perda do volume que preenche os grandes lábios, dando assim um aspecto “murcho”, com nítida sensação de envelhecimento do local.

A cirurgia proposta visa reestabelecer um aspecto mais “jovial” aos grandes lábios, sendo realizada através do preenchimento com a própria gordura corporal da paciente.
TIPOS DE CIRURGIA ÍNTIMA FEMININA

Clareamento dos Grandes Lábios

Influenciada por uma série de fatores externos ou da própria paciente, a coloração dos grandes lábios pode adquirir, com o passar do tempo, tons mais escuros, causando algum incômodo.

O clareamento da região pode ser realizado através de sessões de laser-terapia ou uso de fármacos de ação local.
TIPOS DE CIRURGIA ÍNTIMA FEMININA

Labioplastia ou Diminuição dos Pequenos Lábios

De longe o procedimento mais procurado dentro do roll de procedimentos que a Cirurgia Íntima Feminina ou Ninfoplastia englobam. Aqui a hipertrofia (ou aumento) dos pequenos lábios pode ocorrer em qualquer idade da mulher, desde a puberdade, principalmente influenciada por hormônios e pelo próprio crescimento corporal, até o período pós-nascimento de um filho ou numa idade mais madura da mulher. O crescimento exagerado dos pequenos lábios pode causar desconforto de ordem estética, causando algum constrangimento. Pode também causar incômodo no ato sexual ou então para manter uma boa higiene íntima, fato que pode desencadear com mais frequência infecções locais.

A cirurgia visa à retirada do excesso de pele (ou mucosa) dos pequenos lábios, mantendo sua proporcionalidade, de forma a não perder a proteção do introito vaginal (entrada da vagina). Normalmente é realizada com anestesia local e utiliza suturas absorvíveis para um maior conforto da paciente. Em casos mais leves de hipertrofia (aumento) dos pequenos lábios, pode ser indicado o tratamento através de laser, levando assim a uma retração do excesso de pele (ou mucosa).
TIPOS DE CIRURGIA ÍNTIMA FEMININA

Diminuição ou Estreitamento do Canal Vaginal

Principalmente após partos naturais, mas também associado às características pessoais, em algumas mulheres pode ocorrer um alargamento além do esperado do canal vaginal. Isto leva principalmente a uma insatisfação e sensação de constrangimento perante o companheiro, durante o ato sexual. Casos mais severos podem levar inclusive à protusão (compressão) da bexiga ou do reto para dentro do canal vaginal, podendo associar-se à incontinência (perda) urinária e dificuldade para evacuar.

Em graus leves de alargamento do canal vaginal, o tratamento pode ser realizado através de laser ou ressecção da mucosa, dependendo da intensidade e capacidade de retração da mesma. Casos mais severos podem necessitar de um tratamento associando a Cirurgia Plástica e a Urologia.

como são realizados os procedimentos
de Cirurgia Íntima Feminina
ou Ninfoplastia

Os tratamentos podem variar desde aplicações tópicas de fármacos, laser-terapia até procedimentos cirúrgicos. Para poder definir o tratamento mais adequado a cada caso, é preciso realizar uma avaliação médica de cada paciente, de forma a indicar o procedimento correto. Geralmente os tratamentos a base de laser são realizados no próprio consultório. Já para os procedimentos cirúrgicos, se faz necessário a utilização de um adequado centro cirúrgico. Em geral, são procedimentos realizados sem a necessidade de internação cirúrgica, podendo o paciente retornar para casa dentro de algumas horas após sua realização.
Quase sempre são realizados ou com anestesia local, ou bloqueio anestésico (anestesia Peridural ou Raquidiana), levando-se em consideração a extensão do procedimento e as condições clínicas de cada paciente. As suturas são realizadas em sua grande maioria com materiais absorvíveis, evitando o desconforto da retirada de pontos. O retorno para atividades de rotina são individualizados caso a caso, mas em geral, são breves. Importante salientar que cada paciente possui suas próprias características, de forma que somente após uma avaliação médica pode-se precisar quais serão os procedimentos indicados e suas repercussões.
DICAs DO Cirurgião plástico, Dr. marcelo zardo,
NO PÓS-OPERATÓRIO E CUIDADOS

"Sempre que possível fazer compressas frias na região, manter o repouso indicado, exercícios físicos com retorno gradual,  usar roupas de algodão leves e arejadas e seguir as recomendações médicas." DR. MARCELO ZARDO
Dr. Marcelo Zardo é especialista em Cirurgia Plástica Estética e Reparadora, com 3 anos de residência médica pelo Instituto Prof. Ivo Pitanguy no Rio de Janeiro.  Atende em sua Clínica Privada no bairro Bela Vista, em Porto Alegre.

entre em contato

Telefones
+55 51 3388-8146  |  +55 51 3332-3030
E-mails
contato@marcelozardo.com.br
Horário de Funcionamento
Segunda à Sexta
das 08h às 19h
Endereço
www.marcelozardo.com.br
Rua Quintino Bocaiúva, 1410
Bela Vista - Porto Alegre - Brasil
CEP: 90440-051